Prós e contras do Homeschooling

24 May, 2019

kids-1093758_640.jpg

Se você acompanha o noticiário, provavelmente já deve ter ouvido falar em homeschooling ou ensino domiciliar. No começo deste ano o termo ganhou mais notoriedade ainda pela intenção do Governo Federal de legalizar a prática que já existe no Brasil. Mas, como funciona o homeschooling? Quais são as vantagens e desvantagens de se estudar em casa?

Definição

Por definição, o homeschooling é uma formação letrada dos filhos tendo os pais ou especialistas como educadores. O atual estudo em casa retoma o que anos atrás era conhecido como preceptoria, acompanhamento e orientação educacional de um adolescente ou criança. Segundo levantamento realizado pela Associação Nacional de Ensino Domiciliar (Aned), uma das principais defensoras da legalização do homeschooling no Brasil, há 7,5 mil famílias que são adotantes do estudo em casa no Brasil. Já o Governo Federal contabiliza um número bem maior: 31 mil famílias.

Críticas ao modelo

Segundo a Lei de Diretrizes de Bases da Educação, os alunos com idades entre 4 e 17 anos devem estar obrigatoriamente matriculados em uma instituição de ensino. Atualmente, os pais que não matriculam seus filhos em escolas regulares podem responder judicialmente por abandono intelectual. Os críticos desse formato alegam que os estudantes perdem a chance de ampliarem seus círculos sociais através de amizades. Também que a maturidade das crianças é prejudicada, uma vez que a convivência em uma comunidade escolar é essencial para o amadurecimento das crianças e adolescentes. Outros dizem ainda que a educação formal deve ser prioridade no governo e não um formato que não atende a nem 1% da população em idade escolar.

children-studying-670663_640.jpg

Vantagens da adoção

Quem defende o Homeschooling acredita que, ao ter a possibilidade de estudar em casa, a criança ou adolescente pode se ver livre de práticas hostis que os estudantes enfrentam diariamente nas escolas, como o bullying.

No caso do ensino público, a violência e a indisciplina são outros fatores de risco encarados pelos alunos. Através do homeschooling, a criança também conseguiria ter uma educação de maior qualidade, dada a precariedade do ensino oferecido pelo governo. Outro argumento dos defensores do ensino em casa é a possibilidade de os pais propiciarem uma educação que seja focada em conceitos e temas que acreditam ser mais relevantes para a realidade de sua família e esteja mais de acordo com os seus valores.

Resumindo:

Screenshot_1.png

Seja qual for o formato de educação escolhido pela sua família, o Shapp, aplicativo disponível desde 2017, está pronto para fazer com que você encontre os melhores professores próximo de você. Nossa base de mestres conta com professores particulares que podem coordenar o aprendizado ou reforçar conteúdos não absorvidos pelos estudantes em várias áreas de conhecimento, em diversos níveis. Venha participar da nossa comunidade e se tornar um Shappa!

Comentários

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro!


Comentar